Mooca: 11 2914-6853 | Aricanduva: 11 3444-2360
  • Alongar os mA?sculos melhora a flexibilidade e a consciA?ncia corporal

    Alongar os mA?sculos melhora a flexibilidade e a consciA?ncia corporal

    Quem A� sedentA?rio ou passa muito tempo sentado precisa se esticar.A�ExercA�cio amplia os movimentos, diminui dores e atA� previne lesA�es.

    Uma pessoa que passa muito tempo sentada durante o dia e faz pouca ou nenhuma atividade fA�sica precisa se alongar. Esticar os mA?sculos ajuda a aumentar a flexibilidade e a consciA?ncia corporal.

    Segundo o mA�dico do esporte Gustavo Maglioca e o preparador fA�sicoA�JosA� Rubens D’Elia, o alongamento diminui dores, amplia os movimentos e previne lesA�es. Mas A� preciso praticar sempre, pois, em um mA?s de sedentarismo, jA? ocorre uma diminuiA�A?o da elasticidade e da capacidade muscular.

    Um indivA�duo que toca a palma da mA?o no chA?o, com as pernas esticadas, se ficar parado por quatro semanas pode passar a tocar apenas a pontinha dos dedos, caso nA?o alongue a parte posterior da coxa.

    Os mA?sculos sA?o capazes de se alongar atA� a metade do tamanho, ou seja, ficar uma vez e meia mais compridos que o normal. Mas isso tambA�m depende de uma sA�rie de fatores, como genA�tica, elasticidade natural e amplitude articular de cada regiA?o do corpo.

    O mA?sculo posterior da coxa pode ser alongado com uma espA�cie de rA�gua, mas tambA�m ao deitar no chA?o, encostado na parede e com o bumbum prA?ximo ao batente da porta.A�A� preciso erguer a perna paralelamente A� parede, e o objetivo A� deixar o membro em um A?ngulo de 90 graus em relaA�A?o ao chA?o. Se nA?o conseguir, A� porque vocA? estA? precisando muito alongar essa musculatura.

    Se for uma pessoa sedentA?ria, faA�a alongamentos mais suaves, sem forA�ar muito. Respeite sempre os seus limites e incremente seu treino aos poucos, para evitar sobrecargas e problemas mais sA�rios.A�D’Elia recomendou fazer um aquecimento antes do exercA�cio fA�sico e um alongamento de 30 ou 40 minutos depois de 3h a 4h da atividade.

    MatA�ria publicada pelo site Bem Estar

1Comentário

Deixe um comentário

Cancelar resposta